O que fazer no Jalapão (TO): 7 atrações e dicas para curtir o destino

Dunas douradas, paisagens memoráveis, fervedouros e cachoeiras. Esses são apenas alguns dos atrativos que o Jalapão, no Tocantins, tem a oferecer a quem o escolhe como destino. Em linhas gerais, ir pra lá significa fazer uma viagem única e regada a muito contato com a natureza. Afinal, o lugar é considerado um dos melhores quando o assunto é ecoturismo no Brasil. Então que tal conferir o que fazer por lá, bem como algumas dicas gerais para aproveitar a região? Vem com a gente!

11 pontos turísticos da região Norte do Brasil
Tá a fim de viajar pelo Brasil? Veja alguns dos destinos mais bonitos do país

O que fazer no Jalapão (TO)

1. Fervedouros

shutterstock 1347925898

Fervedouro Bela Vista – Jalapão – Tocantins | Crédito editorial: Ticiana Giehl/Shutterstock.com

Tidos como algumas das grandes estrelas do Jalapão, os fervedouros são aqueles lagos cercados pela natureza do cerrado. Sempre muito bonitos e com areias finas, são um genuíno oásis, com águas que brotam das nascentes e se misturam à areia, permitindo, assim, que os visitantes boiem sem qualquer esforço. Ou seja: é impossível afundar e alcançar o fundo, mesmo que você não saiba nadar.

Existem alguns fervedouros que todo mundo precisa visitar pelo menos uma vez. São eles: Bela Vista, Alecrim, Rio Sono, Buritis, do Ceiça e Buritizinho.

2. Cachoeira da Formiga

shutterstock 1477032218

Cachoeira da Formiga – Jalapão – Tocantins | Crédito: Shutterstock

Com uma temperatura perfeita para se refrescar do calor do Jalapão, a Cachoeira da Formiga é simplesmente deslumbrante. Dona de águas cristalinas e com um cenário ao redor que é tomado pelo verde da natureza, ela também conta com uma piscina natural logo após sua queda d’água.

Viagens bate-volta pelo Brasil: para onde ir a partir de 10 capitais

3. Cachoeira da Velha

shutterstock 1298914810

Vista panorâmica da Cachoeira da Velha – Jalapão – Tocantins | Crédito: Shutterstock

Maior cachoeira do Parque Estadual do Jalapão, a Cachoeira da Velha atrai aqueles visitantes que estão a fim de um pouco de adrenalina. Sabe o motivo? Porque nela é possível praticar esportes radicais, como rafting, por exemplo. Esse passeio começa no Rio Novo e permite que os visitantes vejam o lado da cachoeira que é formado por dois arcos. Além disso, é possível chegar até o véu da cachoeira e caminhar por detrás da queda d’água. Fala sério, incrível, né?

4. Prainha do Rio Novo

shutterstock 593545043

Prainha do Rio Novo – Jalapão – Tocantins | Crédito: Shutterstock

Quer fazer uma pausa para descansar? Joia, pois temos aqui o lugar certo pra te apresentar. A Prainha do Rio Novo fica bem pertinho da Cachoeira da Velha e tem uma boa faixa de areia fina, assim como águas límpidas e doces que são ideais para relaxar e se refrescar. Aprecie sem moderação!

5. Pedra Furada

Jalapão - Brasil | Crédito: Shutterstock

O pôr do sol visto da Pedra Furada – Jalapão – Tocantins | Crédito editorial: Ticiana Giehl/Shutterstock.com

Não tem como falar do Jalapão e não mencionar a Pedra Furada. Cenário de fotos de muitos viajantes – muitos mesmo! –, principalmente durante o pôr do sol, este atrativo é um espetáculo da natureza. Isso porque ele foi criado pela força do vento na rocha, o que resultou em uma bela moldura para retratos artísticos. Facilmente acessado, o mirante está entre os favoritos das pessoas e, por isso mesmo, não pode ficar de fora do seu roteiro pelo destino.

Alter do Chão (PA): o que fazer, como chegar e quando ir

6. Cânion Sussuapara

Canion Sussuapara Jalapao Tocantins Credito editorial Ticiana Giehl shutterstock 1347926015

Cânion Sussuapara – Jalapão – Tocantins | Crédito editorial: Ticiana Giehl/Shutterstock.com

A 12 km de Ponte Alta, porta de entrada para o Jalapão, este pequeno cânion conta com paredões de 12 metros de altura enfeitados pela vegetação e, ao mesmo tempo, por águas que transmitem a sensação de uma cortina. Em seu interior há uma pequena cascata que o deixa ainda mais maravilhoso. Ah! Dizem que as águas da cascata realizam desejos: basta entrar, fechar os olhos e focar em pensamentos positivos. Vale a pena arriscar, vai que dá certo!

7. Dunas do Jalapão

Dunas do Jalapao Tocantins shutterstock 1674672598

O laranja das Dunas do Jalapão, no Tocantins | Crédito: Shutterstock

Mais um point impossível de não mencionar, as Dunas do Jalapão são de tirar o fôlego com suas cores em tons de laranja. Acessadas por uma trilha que dura aproximadamente 10 minutos e que passa por alguns riachos, algumas dunas exibem 30 metros de altura e uma vista espetacular. Portanto, não se esqueça de fazer muitas fotos.

Chapada dos Veadeiros: onde fica, como chegar, quando ir e o que fazer na região

Dicas gerais para quem quer conhecer o Jalapão

Agora que você já tem uma amostra da beleza cênica do Jalapão, chegou a hora de falar de duas opções, digamos assim, para quem pretende conhecer o destino.

Acima de tudo, alguns turistas buscam se hospedar nas cidades próximas ao Parque Estadual do Jalapão – entre elas, regiões como Ponte Alta, Mateiros, São Félix do Tocantins e Novo Acordo –, contratando guias turísticos para fazer os passeios.

Outra opção bem atraente – especialmente se a ideia for curtir uma vibe mais rústica – são os campings que ficam no próprio Jalapão. Alguns deles ficam à margem do Rio Novo, como é o caso do Safari Camp Korubo. Mas como funciona isso? Bom, o nome já diz tudo, né? É um acampamento em estilo safári, com tendas e instalações que garantem toda a estrutura aos visitantes. Além disso, oferece transfer em veículos tipo safári de Palmas para o Jalapão e passeios inclusos no valor do roteiro, assim como todas as refeições, entre outros benefícios exclusivos.

7 destinos ideais para curtir o céu estrelado; vem ver

Anote aí: o que levar para o Jalapão

  • Leve uma quantia de dinheiro em espécie, uma vez que em alguns lugares não dá para pagar com cartão;
  • Câmera fotográfica e carregador externo;
  • Lanterna;
  • Protetores solar e labial;
  • Máscara de mergulho;
  • Medicamentos e repelente;
  • Roupas de banho;
  • Produtos para higiene pessoal;
  • Toalhas;
  • Casacos leves;
  • Boné, chapéu e óculos de sol;
  • Sapatilhas para andar na água;
  • Roupas leves e impermeáveis.

Qual é a melhor época para curtir o destino?

Fervedouro do Rio Sono Jalapao Tocantins Credito editorial Ticiana Giehl shutterstock 1347925925

Fervedouro do Rio Sono – Jalapão – Tocantins | Crédito editorial: Ticiana Giehl/Shutterstock.com

O Jalapão é procurado ao longo de todo o ano, mas é importante ter algumas informações em mente: o período de maio a setembro marca a época da seca, enquanto de outubro a abril pode ser bem chuvoso. No entanto, independentemente da época escolhida, tenha certeza de que você sempre terá as presenças do sol e do calor.

Ecoturismo no Brasil: confira lista com 10 destinos
Docas de viagem para praticar esportes: confira 12 destinos no Brasil

E você, pretende embarcar para o Jalapão em breve? Então converse com um(a) agente de viagens, contrate um seguro-viagem e aproveite muito essa aventura. Agora, caso já conheça a região, conta pra gente nos comentários o que você achou! Dessa forma você acaba ajudando outras pessoas 🙂

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Your compare list

Compare
REMOVE ALL
COMPARE
0