Reabertura de Aruba: quais exigências os viajantes devem seguir?

Baby Beach Aruba shutterstock 1766275250

Parte da fantástica Baby Beach, em Aruba | Crédito: Divulgação

Após fechar as fronteiras para o Brasil em janeiro deste ano, aqui vai uma boa notícia: a reabertura de Aruba para viajantes canarinhos foi anunciada ontem (7).  A decisão se deve ao fato de a ilha já estar com 65% da população vacinada e cumprir todos os protocolos recomendados pela Organização Mundial da Saúde.

Para onde brasileiros podem viajar?
Aruba: paraíso a perder de vista

Mas, peraí, antes de correr para o agente de viagens atrás de uma passagem aérea, saiba que os visitantes devem respeitar algumas exigências. Afinal de contas, o país deve se manter como um destino seguro, né? Isso é bom pra população e pra todo mundo, já que evita novos focos de contaminação. Portanto, descubra agora mesmo quais são essas exigências e tire todas as suas dúvidas!

Reabertura de Aruba: exigências que os viajantes devem cumprir

Eagle Beach Aruba shutterstock 81261067

Quer conferir as famosas Divi-Divi, as árvores de Eagle Beach? Então é só seguir as exigências de entrada em Aruba | Crédito: Shutterstock

Antes de qualquer coisa, não precisa encanar muito com a vacinação contra a COVID-19. A única vacina que o país exige – assim como já exigia antes – é a da febre amarela. Contudo, lembre-se: você deve se imunizar pelo menos 10 dias antes do embarque, OK?

Tão importante quanto a vacina é o ED Card, formulário on-line que deve ser preenchido no máximo 72h antes do voo. Além de inserir todas as informações com cuidado, para completar o documento é preciso fazer o upload de um teste RT-PCR com resultado negativo para o novo coronavírus. O teste deve ser feito com antecedência máxima de três dias do embarque. O upload, por sua vez, também tem um prazo a respeitar: no mais tardar, 12h antes do voo. Preencha o ED Card com atenção, pois ele é a chave para obter autorização para entrar em Aruba. Esta autorização, inclusive, será solicitada no momento do check-in.

Quem não apresentar o teste RT-PCR negativo terá de fazer um no momento da chegada e pode ter de cumprir quarentena de um dia. Inclusive, dá pra deixar o teste pré-pago por meio do ED Card. De acordo com o site da Associação Internacional de Transporte Aéreo (IATA), esta medida não vale para menores de 15 anos e para quem tiver um teste positivo para COVID-19, emitido entre duas e 12 semanas antes do embarque. Neste caso, o upload deve ser igualmente feito pelo menos 12h antes do voo.

Seguro-viagem

Baby Beach Aruba shutterstock 1766275250

Vista da fantástica Baby Beach, em Aruba | Crédito: Shutterstock

A fim de antecipar eventuais necessidades e cobrir gastos relacionados à COVID-19, todos os passageiros devem apresentar o comprovante de contratação de um seguro-viagem criado pelo governo de Aruba. O seguro deve ser adquirido antes do embarque, também por meio do ED Card. O valor para maiores de 15 anos é de US$ 30, ao passo que pessoas até 14 anos pagam US$ 10. Quem tiver mais de 76 anos paga US$ 30.

Tá a fim de obter mais informações sobre o seguro-viagem? Pois então é só acessar aqui.

Afinal, por que comprar com um agente de viagens?

Ficou alguma dúvida sobre o processo de reabertura de Aruba? Conta pra gente nos comentários! Ah, e não se esqueça: se quiser começar a planejar a sua próxima aventura, consulte sempre um agente de viagens, viu? Dessa forma você garante a trip perfeita!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Your compare list

Compare
REMOVE ALL
COMPARE
0