Santiago e Atacama: por que visitar os dois destinos chilenos

Vale da Lua Deserto do Atacama Chile shutterstock 358784012

Vale da Lua - Deserto do Atacama - Chile | Crédito: Shutterstock

Santiago: uma capital cheia de charme, de atrações incríveis e cenários de tirar o fôlego | Crédito: Shutterstock

Santiago: uma capital cheia de charme, de atrações incríveis e cenários de tirar o fôlego | Crédito: Shutterstock

Sabe aquela expressão “a primeira impressão é a que fica”? Quando falamos em Santiago, no Chile, é exatamente isso o que se sente. Isso porque, logo na chegada, as paisagens proporcionadas pela Cordilheira dos Andes através das janelas do avião são de deixar qualquer turista apaixonado. Cheia de charme, atrações incríveis e cenários de tirar o fôlego, a capital é um ótimo começo para descobrir as grandezas do país.

Reabertura do Chile: confira todos os protocolos
5 destinos no exterior que cabem no bolso

Conhecendo o centro de Santiago

Plaza de Armas Santiago Chile shutterstock 1032908743

Plaza de Armas – Santiago – Chile | Crédito: Shutterstock

Santiago é uma cidade grande, tem muita coisa para ser vista e muita história para ser contada. Os roteiros normalmente levam a edifícios históricos, como o Palacio de la Moneda, a Catedral Metropolitana de Santiago e o Correo Central, por exemplo. La Moneda, sede do governo chileno, ainda tem outro atrativo: a cada dois dias é possível acompanhar a tradicional troca de guarda, com banda e desfile militar. Ao mesmo tempo, o Mercado Central é outro ponto a ser visitado, com seus produtos e sabores típicos.

O bairro de Bellavista é um dos mais descolados da região. Apresentando arquitetura cheia de cores, é por lá que estão os restaurantes e atrações mais badalados. Esta é uma boa pedida também durante a noite, já que seus bares e casas noturnas atraem um grande público.

Para os amantes da natureza e de belas paisagens, o Cerro San Cristóbal é um paraíso em meio à moderna metrópole. Os bondinhos e o teleférico conduzem os visitantes às alturas, revelando uma vista espetacular. Ainda sobra fôlego para passeios imperdíveis como Viña del Mar e Valparaíso, a poucos quilômetros dali.

O surpreendente Deserto do Atacama

O Atacama desponta como a região mais alta e mais árida do mundo | Crédito: Shutterstock

Laguna Chaxa – Deserto do Atacama – Chile | Crédito: Shutterstock

Entre montanhas, lagoas e até um vulcão, o Deserto do Atacama desponta como a região mais alta e mais árida do mundo. Sua beleza estarrecedora não tem hora para chegar: a fantástica paisagem encontra espaço cativo na memória de quem a vê pela primeira vez. Com muitos atrativos ecoturísticos, partindo de San Pedro do Atacama a primeira parada sugerida é, na verdade, uma dobradinha formada pelos vales da Lua e de Marte (este último também chamado de Vale da Morte). O cenário, sem traço algum de vegetação, mergulha os visitantes em uma realidade inteiramente nova, que mais parece trazida de outra dimensão.

O Atacama reúne as condições especiais para assistir de camarote ao espetáculo de luzes e cores que toma conta do céu após o cair do sol. E é exatamente por isso que o local é ideal para apaixonados por astroturismo, sendo palco para a realização de tours temáticos de cair o queixo. Longe de decepcionar, o deserto chileno reserva uma infinidade de atrações, que variam do célebre Salar de Atacama, um dos maiores desertos de sal do planeta, ao azul-turquesa das águas da Lagoa Cejar, passando ainda pela Reserva Nacional dos Flamingos e pelo curioso Geysers del Tatio, campo geotérmico de onde jorram jatos d’água fervendo.

Explorando os arredores: San Pedro de Atacama

Vale da Lua Deserto do Atacama Chile shutterstock 358784012

Vale da Lua – Deserto do Atacama – Chile | Crédito: Shutterstock

Vale também guardar alguns dias para desbravar San Pedro de Atacama, a capital da região. A Rua Caracoles é a mais importante via da cidade e, por lá, só passam pedestres. Ao longo de todo o caminho os viajantes encontram cafés, restaurantes, hotéis e diversas lojas. Da rua também dá para avistar o vulcão Licancabur, um dos principais vulcões nos arredores do destino.

Veja lista de países onde brasileiros têm entrada autorizada

E aí, se animou a visitar o Chile em sua próxima viagem? Então não perca tempo, não, e consulte agora mesmo um agente de viagens. Dessa forma você garante uma trip sem perrengues e, de quebra, tem acesso aos melhores roteiros. Depois volte aqui pra contar pra gente como foi, combinado? Afinal, seu depoimento pode ajudar a esclarecer as dúvidas de outras pessoas!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Your compare list

Compare
REMOVE ALL
COMPARE
0