Reabertura de Israel: tire todas as dúvidas

israel shutterstock 154973519

Quem viaja para Israel terá a oportunidade de aprender mais sobre a história e cultura da região l Crédito: Shutterstock

Alguma vez você já quis visitar Israel? Se a resposta for sim, não é surpresa alguma. Afinal, o destino tem uma baita coleção de construções milenares, cenários de cair o queixo, além de muralhas e ruelas que carregam as marcas do tempo e o peso de uma história riquíssima. Sendo assim, se você é apaixonado por viagens culturais, fique sabendo que Israel é o lugar ideal. Além disso, estando lá, você também pode esperar por uma gastronomia incrível e a possibilidade de conhecer várias cidades em uma mesma viagem.  

Viagem para Israel: 4 diferenciais do fascinante país do Oriente Médio
10 motivos para conhecer Israel 

Se animou? Então nós temos uma excelente notícia: a reabertura de Israel foi decretada em 01/03/2022. Com isso, você pode começar a planejar a sua próxima viagem. Mas se você tem dúvidas sobre o assunto, você está no lugar certo! O Segue Viagem reuniu as principais informações sobre a reabertura de Israel. Vem ver! 

Como é a gastronomia em Israel: 4 lugares para comer bem 

Principais informações sobre a reabertura de Israel 

israel shutterstock 154973519

Quem viaja para Israel terá a oportunidade de aprender mais sobre a história e cultura da região | Crédito: Shutterstock

Antes de qualquer coisa, vale a pena destacar que Israel abriu suas fronteiras para todos(as) os(as) viajantes internacionais, vacinados(as) ou não contra a COVID-19, em 01/03/2022. A flexibilização vem próxima à Semana Santa, uma das datas mais importantes para o turismo na região.  

Sendo assim, anote aí os requisitos necessários para entrar no país: todos(as) os(as) viajantes precisam apresentar um teste PCR negativo antes do voo (feito com até 72h de antecedência) e realizar outro teste PCR na chegada, no próprio aeroporto. Vale ressaltar que ambos os testes devem ser pagos pelos(as) viajantes. 

Melhores aplicativos para viajantes: veja 9 dicas 

Contudo, o(a) turista deverá esperar o resultado do segundo teste em seu quarto de hotel (ou em outro meio de hospedagem indicado previamente). Após o resultado negativo, que costuma sair em cerca de 24 horas, ele(a) estará liberado(a) para curtir a viagem.  

Ao mesmo tempo, para entrar em Israel também é obrigatório o seguro-viagem com cobertura para o tratamento de COVID-19 para cada passageiro(a). Além disso, todos devem preencher um formulário de declaração de entrada nas 48 horas antes do voo. 

Jerusalém: uma volta pela Terra Santa, em Israel 
israel shutterstock 1019198404

Recorte da praia central e da marina de Eilat, em Israel | Crédito: Shutterstock

As melhores praias de Israel: por que vale a pena conhecê-las 

E aí, ficou com alguma dúvida sobre a reabertura de Israel? Então confira neste site tudo que você precisa saber sobre o assunto. De quebra, você pode visitar o site do Ministério do Turismo de Israel e obter ainda mais detalhes a respeito disso. Mas, se tiver qualquer dúvida, deixe aqui nos comentários que a gente te ajuda. 

E, se a vontade de viajar para Israel bater forte, a nossa dica é sempre contar com o apoio de um(a) agente de viagens. Dessa forma você realiza tudo com muito mais conforto e segurança, OK? 😊 

2 Comentários

  1. SAMANTHA disse:

    Fiz o preenchimento do formulário e deu negado, reagendei a viajem, e amanhã tenho que preencher novamente, porém estou com medo de dar negado novamente.

    • Laura Quadros disse:

      Oi, Samantha! Tudo bem?

      Você pode preencher o formulário de entrada para Israel até 10 dias antes da data de partida. No momento do preenchimento, tenha cuidado com as informações obrigatórias, assim como a validade do passaporte e dos demais documentos solicitados 🙂

      Não deixe de acessar o site oficial para mais dúvidas!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Your compare list

Compare
REMOVE ALL
COMPARE
0