O que fazer em Birmingham, a cidade de “Peaky Blinders”

Birmingham Inglaterra Credito editorial Kiev.Victor shutterstock 512229715

Recorte do centro de Birmingham, na Inglaterra | Crédito editorial: Kiev.Victor/Shutterstock.com

Birmingham Inglaterra Credito editorial Kiev.Victor shutterstock 512229715

Recorte do centro de Birmingham, na Inglaterra | Crédito editorial: Kiev.Victor/Shutterstock.com

Segunda maior cidade da Grã-Bretanha, Birmingham fica a quase 1h30 de trem de Londres, a capital da Inglaterra, e traz consigo um fator bem considerável: é o cenário da aclamada série “Peaky Blinders”, disponível na Netflix. Mas, ó, mesmo que você nunca tenha assistido à série, não tem problema, não!

Se você separar um tempinho pra conhecer melhor o lugar, vai descobrir que ele mescla cultura, gastronomia e muita história. Inclusive, o destino foi uma superpotência de produção no século 18 e, por isso mesmo, é visto como o coração da Revolução Industrial no mundo. Entre outras coisas, há uma forte suspeita de que a máquina a vapor tenha sido inventada ali. Legal, né?

Reino Unido: conheça os cenários da série Bridgerton
Pós-pandemia: 12 destinos na Europa que todo mundo precisa visitar

E aí, o que você acha de conferir agora mesmo um monte de dicas de o que fazer em Birmingham? Apesar de ainda haver restrições à entrada de brasileiros em vários países da Europa, tá liberado ler muito e pesquisar sobre o próximo destino. Só não vale reclamar depois que a saudade de viajar apertou! Vem com a gente!

O QUE FAZER EM BIRMINGHAM, NA INGLATERRA

1. Visitar o Museu e Galeria de Arte de Birmingham

Birmingham Inglaterra Credito editorial ALLYOU Grzegorz Wasowicz shutterstock 1199464732

Parte da fachada do Museu e Galeria de Arte de Birmingham, na Inglaterra | Crédito editorial: ALLYOU Grzegorz Wasowicz/Shutterstock.com

Conforme a gente antecipou logo no início deste post, Birmingham tem um passado muito interessante. Sendo assim, o primeiro item da nossa lista não podia ser outro: um museu que conta a história da cidade – passando pela história industrial, é claro – e cujo acervo é rico também em obras de arte. Embora ele não seja muito grande, se possível não economize no tempo para explorá-lo, pois vale a pena caminhar sem pressa por seu interior. Para completar, o museu fica na Victoria Square, marco zero do destino e, portanto, o ponto de partida para a maioria dos roteiros pela região.

No entanto, aqui vai um dado importante: o local está passando por uma reforma elétrica e permanecerá fechado até 2022. De toda forma, há uma programação extensa de eventos on-line e ao ar livre. Para conferi-la, é só clicar aqui.

2. Fazer compras e admirar a fachada do Bullring & Grand Central

Birmingham Inglaterra Credito editorial Claudio Divizia shutterstock 471229442

Câmeras a postos, porque a divertida e diferente fachada do Bullring & Grand Central chama a atenção de quem passa por Birmingham | Crédito editorial: Claudio Divizia/Shutterstock.com

Antiga Praça de Touros – daí o nome Bullring –, após séculos de história se transformou em um polo de compras e de lazer gigantesco. Já do lado de fora ele impressiona: sua fachada é toda enfeitada por discos de alumínio, o que confere um aspecto moderno e divertido ao seu projeto arquitetônico. No entanto, seu diferencial mesmo está lá dentro, entre as suas mais de 160 lojas. Se você gosta de fazer umas boas compras quando viaja, saiba que há opções pra todo mundo e pra todos os bolsos.

Ah, tá a fim de saber uma curiosidade sobre o lugar? Você vai encontrar dentro do complexo a maior Primark do mundo. Ou seja: se quiser se acabar em roupas e acessórios, já sabe para onde ir!

3. Conferir as joias do Jewellery Quarter

Birmingham Inglaterra Credito editorial Jacek Wojnarowski shutterstock 623035424

O Jewellery Quarter é, antes de qualquer coisa, o melhor lugar para comprar joias | Crédito editorial: Jacek Wojnarowski/Shutterstock.com

Como a gente falou de compras logo acima, aqui vai mais uma dica, mas dessa vez é pra quem está com um pouquinho mais de dinheiro. O Jewellery Quarter não é só um bairro de Birmingham que reúne inúmeras joalherias: a região tem uma das maiores concentrações de joalheiros de toda a Europa. Se quiser trazer uma joia de volta pra casa, esse é o lugar! Por ali também fica um museu que leva o mesmo nome e que exibe uma oficina de joalheria da década de 1980, bem como explica a origem da região. O único porém é que o museu está temporariamente fechado, então vale confirmar essa informação com antecedência se pretender visitá-lo em breve, OK?

Além das lojas, o Jewellery Quarter reúne ainda artesãos, floristas e tatuadores, por exemplo, e é pontilhado de restaurantes. Nada mal pra quem tá decidindo o que fazer em Birmingham, né?

4. Dar uma volta pelos canais de Birmingham

Birmingham Inglaterra shutterstock 419496859

Os canais de Birmingham proporcionam um passeio à la Veneza | Crédito: Shutterstock

Muito provavelmente você já ouviu falar ou já viu fotos dos tradicionais passeios de gôndola pelos canais de Veneza, certo? Pois Birmingham oferece uma experiência similar, uma vez que a cidade também é repleta de canais. Ah, e não pense que os barquinhos surgiram apenas para levar os turistas pra lá e pra cá, não! Essas embarcações ajudaram a tornar o destino o que ele é hoje, já que no passado fizeram o transporte de materiais pesados e, assim, contribuíram para o desenvolvimento econômico da região.

O mais legal de fazer esse passeio é que ele permite que os visitantes vejam a cidade de uma nova perspectiva. Sabe o que isso significa? Câmeras (ou celulares) sempre a postos!

Atenção para um spoiler: os canais aparecem na série “Peaky Blinders”.

5. Curtir pelo menos um dos 571 parques da cidade

Bitmingham Inglaterra shutterstock 8707447

Acima de tudo, o Jardim Botânico de Birmingham é um dos lugares mais bonitos da cidade | Crédito: Shutterstock

Birmingham tem um montão de parques – acredite, são 571! –, então é fácil, fácil curtir ao ar livre. Enquanto no verão eles costumam atrair mais pessoas, que usam e abusam dos gramados e se alimentam de sol, no inverno eles também são ótimas pedidas, visto que os tons sóbrios adicionam uma beleza singular à paisagem.

Caso o tempo esteja apertado, a nossa sugestão é fazer uma visita ao Jardim Botânico – o nome original é The Birmingham Botanical Gardens. Tranquilo e muito bonito, o point tem estufas e bonitos jardins, proporcionando um gostoso contato com a natureza. Outra boa opção é o Cannon Hill, com bosques e áreas próprias para a prática de tênis, boliche e passeios de barco.

6. Fazer um tour guiado na atração Birmingham Back to Backs

Birmingham Inglaterra shutterstock 1651112191

Viaje de volta no tempo na atração Birmingham Back to Backs, já que ela relembra o estilo de vida do século 19 | Crédito: Shutterstock

Logo no início deste post a gente mencionou que a cidade era rica em história. E uma atração que comprova isso é a Birmingham Back to Backs. Trata-se de um pátio que preserva casas de famílias inglesas que moraram no local entre 1840 e 1970 e que se esforça por manter vivos os costumes de cada época. Prepare-se para ver de perto – e ao vivo e a cores – como era a realidade durante a sociedade industrial, por exemplo.

Para deixar a experiência ainda melhor, todos os tours são guiados e os visitantes sentem como se estivessem em uma viagem no tempo. Definitivamente vale a pena incluir o point na sua listinha de o que fazer em Birmingham! Só lembre-se de agendar a visita, combinado?

7. Sentir a vibe descolada de Custard Factory

Birmingham Inglaterra Credito editorial Matthew Troke shutterstock 1988130275

Para conhecer lojas e galerias únicas, visite a Custard Factory, em Birmingham | Crédito editorial: Matthew Troke/Shutterstock.com

Tá a fim de um passeio diferentão? Joia, porque é justamente isso o que a Custard Factory oferece. Reserve alguns bons minutos para circular pela região, sobretudo para admirar os coloridos grafites que cobrem paredes e muros. Quando sentir que precisa fazer uma pausa, acomode-se confortavelmente em um dos cafés ou bares nos arredores.

O local fica a uma caminhada de mais ou menos cinco minutos do Bullring & Grand Central e está situado em meio a uma série de fábricas vitorianas restauradas. Em linhas gerais, pode-se dizer que Custard Factory é uma dica de passeio alternativo, posto que também abriga algumas das mais ecléticas lojas e galerias de Birmingham. Dona de uma vibe única, a região tem bastante a oferecer, especialmente para quem resolve explorá-la com calma.

QUANDO O ASSUNTO É A SÉRIE “PEAKY BLINDERS”…

BIrmingham Inglaterra Credito editorial Caron Badkin shutterstock 254775373

Quem se amarra em Peaky Blinders precisa visitar o museu vivo Black Country Living, que serviu de cenário para a série | Crédito editorial: Caron Badkin/Shutterstock.com

É impossível falar de Birmingham e não citar a série de sucesso “Peaky Blinders”. Se você já assistiu a pelo menos um episódio, sabe do que a gente tá falando. Por outro lado, caso não faça a menor ideia do que se trata, a série conta a história de uma família de gângsters da cidade, constituída pouco depois do fim da Primeira Guerra Mundial. Além de o enredo prender a atenção desde o comecinho, cabe ressaltar que a organização retratada existiu na vida real e que se destacou justamente em Birmingham.

10 séries para viajar pelo mundo sem sair de casa
“O Gambito da Rainha”: conheça os points que aparecem na série

Como decorrência disso, é importante frisar que há alguns tours dedicados a contar a história da gangue no destino. Contudo, é impossível não destacar o museu Black Country Living, que corresponde a uma das principais locações da série. O local, por sua vez, é uma grande construção a céu aberto, que reproduz o estilo de vida da população durante a Revolução Industrial. E, quando a gente diz “reproduz”, a gente tá falando de tudo: casas, veículos, lojas. A fim de deixar tudo ainda mais realístico, atores costumam ficar por ali para fazer demonstrações ao vivo. Em outras palavras, é um museu vivo! Anote aí a sua localização: ele fica em Dudley, a noroeste de Birmingham.

O QUE FAZER EM BIRMINGHAM À NOITE?

Birmingham Inglaterra shutterstock 1069077905

Tá a fim de curtir muito a noite? Então escolha um dos bares ou pubs de Birmingham, na Inglaterra | Crédito: Shutterstock

Birmingham tem uma quedinha pela música, especialmente para o heavy metal, sabia? Afinal de contas, foi ali que nasceu Ozzy Osbourne, o lendário vocalista do Black Sabbath. Ao mesmo tempo, outras bandas icônicas, como Judas Priest e Duran Duran, surgiram no destino.

E, como música tem tudo a ver com diversão, o momento é mais do que propício para frisar que a cidade tem uma vida noturna vibrante. Há uma infinidade de bares, pubs, karaokês, clubes noturnos e casas de jazz para curtir. Se quiser chegar lá já com alguns nomes em mente, aqui vão três: o The Church Inn é um pub LGBT friendly próximo à Hurst Street, ao passo que o Hare & Hounds e o The Flapper têm música ao vivo. Já a The Jam House é uma das várias casas de jazz locais.

O QUE COMER EM BIRMINGHAM?

Não tem como fazer um post sobre o que fazer em Birmingham sem falar da gastronomia, né? Pois a parte boa – mais uma! – é que o destino manda bem demais nesse ponto também. Um dos pratos típicos de lá é o frango balti. Frango o quê?! Calma que a gente explica! Ele é basicamente uma adaptação do curry indiano. Para experimentá-lo, a dica é apostar nos restaurantes ao sul da cidade.

Agora, se você se amarra em chocolate, você precisa – precisa! – visitar a fábrica da Cadbury. Por meio de um tour muito alto-astral, os visitantes ficam por dentro da história do cacau, circulam pelas instalações e recebem dicas preciosas de como preparar o doce. Bônus: muito, muito chocolate para se lambuzar! Quer conferir mais informações? Então acesse o site da Cadbury World.

Birmingham Inglaterra Credito editorial Tupungato shutterstock 95253124

A atmosfera tipicamente europeia de Birmingham, na Inglaterra | Crédito editorial: Tupungato/Shutterstock.com

Afinal, em quais países os brasileiros podem entrar?

E aí, ficou claro pra você por que vale a pena visitar o destino? Tem alguma dica extra de o que fazer em Birmingham? Conta pra gente nos comentários! A mesma coisa vale se você já tiver tido a chance de conhecer a cidade! Afinal, seu depoimento pode fazer toda a diferença na viagem de outra pessoa. E, por falar em fazer a diferença, não marque bobeira e consulte um(a) agente de viagens se estiver pensando em fazer essa trip em breve 😉

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Your compare list

Compare
REMOVE ALL
COMPARE
0