Chile quer chegar a 3,7 milhões de turistas internacionais em 2023

chile santiago shutterstock 1116349802

Recorte da paisagem urbana de Santiago, ótima opção de destino para quem quer curtir o turismo no Chile l Crédito: Shutterstock

chile santiago shutterstock 1116349802

Recorte da paisagem urbana de Santiago, ótima opção de destino para quem quer curtir o turismo no Chile l Crédito: Shutterstock

Antes de mais nada, precisamos destacar de que o ano de 2021 marcou o início da recuperação para o turismo no Chile. Uma vez que, o país monitorou constantemente a situação sanitária dentro de suas fronteiras. Além de implementar protocolos e plataformas online para estabelecer uma comunicação transparente com seus visitantes.

Dicas sobre a Argentina: quando ir, se precisa de passaporte e 5 destinos imperdíveis

O país também adotou medidas como o Certificado de Compromisso “Confiança Turística”, que identifica empresas comprometidas com a implementação de rígidos critérios. Além de protocolos de prevenção para reduzir o risco de contágio: hoje, elas somam 6.521. 

12 destinos com vistas de outro planeta pra quem não pode viajar para o espaço 

Contudo, como resultado, o país vê o crescimento pela demanda de visitação de seus destinos. Em linhas gerais, o avanço da vacinação também contribuiu, uma vez que já garantiu a cobertura de 90% da população com duas doses (mais de 15,8 milhões de pessoas) e mais e 10 milhões de pessoas com a dose de reforço (a terceira). 
 
“Todas essas ações nos fazem projetar uma reativação de forma positiva, ainda que moderada na atualidade. O fato é que esperamos que em 2023 possamos retornar à tendência observada antes da pandemia”, diz a diretora nacional do Serviço Nacional de Turismo do Chile (Sernatur), Andrea Wolleter.

Ela também ressalta que esta curva ficará próxima dos valores registrados ao longo de 2014, ano em que o Chile registrou 3,7 milhões de chegadas de turistas estrangeiros. 

Destinos que cabem no bolso: 5 países para viajar sem gastar muito

Entretanto, nas últimas semanas, a abertura do turismo internacional já mostra resultados na visitação de estrangeiros, de modo geral, e de brasileiros, em particular. “Podemos constatar, com números reais de novembro de 2021, a chegada de um total de 117.908 turistas estrangeiros em nosso país, dos quais, 7.217 correspondem a brasileiros”, diz, complementando que, “pelas projeções, fecharemos 2021 com cerca de 160 mil desembarques, dos quais 6% corresponderão a desembarques de turistas brasileiros”. 
 
Além disso, é do Brasil, também, que vem o segundo maior GPDI (gasto médio diário individual) do Chile: US$ 95,30, perdendo apenas para o turista chinês que tem um GPDI de US$ 107. 

7 destinos ideais para curtir o céu estrelado; vem ver

Para marcar esse momento de retomada, recentemente, o Chile lançou um desafio internacional nas redes sociais. Trata-se da #ChileIsBack Challenge, que se baseia em dois pilares fundamentais: inspirar as pessoas para suas próximas viagens e ressaltar os destinos de aventura do país. 

Fonte: Panrotas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Your compare list

Compare
REMOVE ALL
COMPARE
0