O que fazer em Recife (PE): 8 dicas + principais pontos turísticos

Recife - Pernambuco | Crédito: Shutterstock

Recife – Pernambuco | Crédito: Shutterstock

Capital de Pernambuco, Recife tem sua história ligada ao porto da cidade e recebeu esse nome por conta da barreira de arrecifes ao seu redor. Antes de qualquer coisa, a região é perfeita para quem procura por atrações históricas, muito lazer e, claro, belas praias. Além disso, é lotada de rios, pontes e canais. Pudera: ninguém ganha o título de Veneza Brasileira à toa, né? Em linhas gerais, leve uma roupa bem leve e sapatos confortáveis para explorar todas as atrações, viu? Vocês vai ver que elas são muitas!

Onde passar o Réveillon 2022: dicas de destinos e hotéis pelo Brasil
Tá a fim de viajar pelo Brasil? Veja alguns dos lugares mais bonitos do país

Caso nunca tenha tido a chance de visitar o destino, não encana, porque a gente separou aqui algumas dicas de o que fazer em Recife. No entanto, aqui vai uma informação importante: por conta da pandemia, alguns lugares podem estar temporariamente fechados. Então, cheque antes se os pontos que você quer visitar estão funcionando direitinho e em quais horários, OK?

8 dicas de o que fazer em Recife

1. Visitar o Instituto Ricardo Brennand & Oficina Brennand

Oficina Brennand - Recife | Crédito: Shutterstock

Oficina Brennand – Recife – Pernambuco | Crédito: Shutterstock

O instituto fica em um complexo arquitetônico em estilo medieval e guarda o Museu Castelo São João, a Pinacoteca, uma biblioteca, uma capela e um jardim de esculturas. Com um dos maiores acervos de armas brancas do mundo, reúne mais de 3 mil peças, sendo que a maioria veio da Europa e da Ásia. Ali também dá para admirar a coleção de pinturas, tapeçarias, armaduras, espadas, punhais e facas.

Situada na margem oposta do Rio Capibaribe, a Oficina Brennand funciona como um museu-ateliê do ceramista Francisco Brennand. Datado de 1971 e instalado em uma antiga fábrica de tijolos e telhas, o local é único e exibe um extraordinário conjunto arquitetônico, o qual, inclusive, está em constante mutação. Imperdível, esse passeio permite conhecer as peças de um dos mais importantes ceramistas brasileiros e rende lindas fotos. Sendo assim, mantenha a câmera sempre a postos, hein?

2. Circular pelo Recife Antigo e conhecer o Marco Zero

Credito editorial Marcio Jose Bastos Silva shutterstock 192980999

Quem vai a Recife não pode deixar de circular pelo centro antigo e conhecer o Marco Zero | Crédito editorial: Marcio Jose Bastos Silva/Shutterstock.com

Para quem tá a fim de um passeio histórico, o centro antigo é a melhor escolha. Isso porque é ali onde fica o Marco Zero da cidade. Ou seja: acredita-se que foi neste mesmo local onde ocorreu a fundação de Recife, assim como é a partir dele de onde se calculam as distâncias a outros lugares. Mas a região vai além e concentra pontos turísticos e muitas construções charmosas, que remetem à época do Brasil Colônia.

Quer saber o que mais você vai encontrar ao dar um giro pelo Recife Antigo? Pois o Museu Cais do Sertão é uma das atrações, sendo dedicado às histórias e às tradições do povo e da cultura sertanejos. Apesar de não ser muito grande, vale a pena explorá-lo com calma, pois ele promove um mergulho muito interessante na rica cultura nordestina por meio de vídeos, trajes, objetos e cenários bem representativos.

Fala aí: quantos desses cartões-postais do Brasil você conhece?

Da mesma forma, outra dica é aproveitar o passeio para visitar o Paço do Frevo. Interativo, colorido e com uma curadoria impecável, como o nome já indica ele é 100% focado no frevo. Afinal de contas, o frevo não só é uma das principais tradições culturais brasileiras, como também foi reconhecido como Patrimônio Imaterial da Humanidade pela Unesco. Além de contar a história do frevo, o point fica em um edifício que, até 1973, serviu de sede para a empresa que implementou o telégrafo no Brasil, a Western Telegraph Company. Por conta disso, todo o local foi tombado pelo IPHAN.

E tem mais! O passeio pelo Recife Antigo pode (e deve!) incluir também a Igreja da Madre de Deus, do século 18, e a Capela Dourada, de 1696. Esta última se tornou conhecida pelo fato de todo o seu interior ser revestido em ouro. Ao mesmo tempo, não deixe de conferir a Torre Malakoff, levantada em 1853 para funcionar como um observatório astronômico, e a Sinagoga Kahal Zur Israel, erguida em 1630 durante o período de dominação holandesa. Já deu pra perceber que não faltam dicas de o que fazer em Recife, né?

3. Comprar lembrancinhas no Mercado de São José e provar a comida típica no Mercado da Boa Vista

Mercado da Boa Vista - Recife | Crédito: Shutterstock

Mercado da Boa Vista, um dos pontos de Recife mais indicados para saborear a comida típica de Pernambuco | Crédito: Shutterstock

Bem pertinho do Recife Antigo, o Mercado de São José é ideal para quem quer comprar presentes, já que tem no artesanato regional seu ponto forte. Sabe o que isso significa? Que ele oferece várias opções de souvenires, como ímãs de geladeira, enfeites, redes, instrumentos musicais e até cachaças.

Curiosidade: quais são as lembrancinhas mais compradas ao redor do mundo?

Por outro lado, se você não dispensa experimentar a gastronomia típica, o Mercado da Boa Vista não decepciona. Mesmo porque o lugar serve pratos de dar água na boca. Não deixe de provar o “Arrumadinho”, receita tradicional preparada com feijão verde, farofa, vinagrete, carne de sol e queijo frito. Além dessa delícia há também caldos, escondidinho, sarapatel, peixes, dobradinha e galinhada, por exemplo. Nada de inventar de fazer dieta, viu?

4. Curtir a vibe da Praia de Boa Viagem, a mais famosa de Recife

shutterstock 1999094765

Acima de tudo, a Praia de Boa Viagem é linda. Mas tome cuidado, pois há risco de ataques de tubarão | Crédito: Shutterstock

A Praia de Boa Viagem é famosa no mundo inteiro e, portanto, não pode ficar de fora do roteiro de ninguém! Principal praia urbana de Recife, uma caminhada pela orla é sempre bem-vinda. Aproveite ainda para curtir a ótima infraestrutura e para saborear os quitutes vendidos por ambulantes, como queijo assado e caldos de peixe, camarão e feijão. A água do mar é verdinha e quase sempre morna, mas há um porém: há diversas placas na praia alertando para o risco de tubarões. Logo, tenha em mente as seguintes precauções: evite o mergulho na maré alta e se tiver qualquer tipo de sangramento, não use nenhum objeto brilhante e não se afaste da areia.

Pertinho dessa praia fica o Parque Dona Lindu, cujo projeto arquitetônico foi assinado por ninguém menos que Oscar Niemeyer. O local sedia o Teatro Luiz Mendonça e a Galeria Janete Costa. O parque dispõe ainda de esculturas, quadra poliesportiva, pistas de skate e de cooper e área para crianças, bem como é palco para shows e eventos ao longo do ano. Em outras palavras, tanto a praia quanto o parque não podem ficar de fora da sua lista de o que fazer em Recife 😉

5. Voltar ao passado na Casa da Cultura de Pernambuco

Depois de funcionar como Casa de Detenção entre 1855 e 1973, o prédio histórico deu lugar a mais um expoente da cultura pernambucana: a Casa de Cultura de Pernambuco. Hoje, seu interior é bem diferente: as celas que antes eram ocupadas pelos presidiários foram transformadas em mais de 110 lojinhas e ajudam a fazer do local um polo muito importante de venda de artesanato. De quebra, tem dois painéis muito bonitos do pintor pernambucano Cícero Dias. Outra curiosidade é que o edifício também é usado como sede de movimentos e associações, como o Movimento Negro Unificado, Sindicato de Artesãos da Região Metropolitana do Recife e de Pernambuco e o Anistiados Políticos.

6 destinos nacionais para quem ama literatura

6. Fazer compras no RioMar Recife Mall e no Shopping Recife

Credito editorial Cacio Murilo shutterstock 1642102582

Que tal fazer compras? Pois o RioMar Recife Hall é o lugar certo | Crédito editorial: Cacio Murilo/Shutterstock.com

Tá a fim de aliar a estada em Recife para fazer ainda mais compras? Então uma dica sem erro é visitar o RioMar Recife Mall, uma vez que ele reúne mais de 380 lojas e, como bônus, uma praça de alimentação com mais de 30 opções de restaurantes. Para coroar, tem 12 salas de cinema, boliche, academia e teatro.

Na mesma pegada, o Shopping Recife igualmente não decepciona. Seus corredores amplos e boa oferta de lojas são uma mão na roda, sem mencionar o fato de estar a mais ou menos 20 minutos de carro do Aeroporto Internacional do Recife/Guararapes. Ou seja: pode ser uma escolha pra quem tem que matar um tempinho antes de pegar um voo. De forma geral, ambos os shoppings são nota dez em lazer e comodidade.

7. Relaxar e/ou praticar exercícios no Parque da Jaqueira

Parque da Jaqueira Recife Credito editorial Felipe Brasil shutterstock 1760290148

Recorte do Parque da Jaqueira, um dos principais parques de Recife, em Pernambuco | Crédito editorial: Felipe Brasil/Shutterstock.com

Aqui vai mais uma dica de o que fazer em Recife: passar umas boas horas no Parque da Jaqueira, que fica no bairro de mesmo nome, na zona norte da capital pernambucana. Cheio de árvores, é um lugar sob medida para restaurar as energias em plena cidade grande. Tem pistas de cooper e ciclovia, áreas para skate e bicicross, ringue de patinação e até mesmo espaço próprio pra quem tá a fim de praticar ioga e dança. Isso sem mencionar os equipamentos de ginástica, o posto de saúde, quatro parques infantis, áreas para piquenique e uma capela de 1766. Ou seja: tem tudo o que você precisa para um dia de muita diversão.

8. Esticar a viagem para conhecer outras praias

A gente sabe, não é sempre que dá pra ficar alguns dias a mais em um destino só pra poder conhecer os seus arredores. Contudo, se este não for o seu caso e você não estiver correndo contra o relógio, não há nada melhor do que dar uma esticada até Cabo de Santo Agostinho, Porto de Galinhas e Tamandaré, por exemplo.

Praia de Calhetas Cabo de Santo Agostinho Pernambuco shutterstock 1407983237

Prepare a câmera, porque a Praia de Calhetas, em Cabo de Santo Agostinho, é de tirar o fôlego | Crédito: Shutterstock

Cabo fica a menos de 40 km de Recife e tem mais uma bonita coleção de praias. Dá para tomar banho de argila e admirar vistas tão bonitas que parecem pintadas à mão. Este é o caso das praias Pedra do Xaréu, Enseada dos Corais e Paiva, só pra citar alguns nomes. Aind adá para passear de catamarã até o Porto de Suape, fazer tirolesa na Praia de Calhetas… O céu é o limite (e a sua capacidade de bronze também!). Ah, e quer saber um ponto bem positivo de ir até Cabo? O destino fica na metade do caminho entre Recife e Porto de Galinhas. Logo, por que não emendar até lá?

5 motivos para viajar para Porto de Galinhas (PE)

Porto de Galinhas dispensa grandes apresentações, né? A região de renome mundial fica no município de Ipojuca e tem quase 20 km de litoral. A seu favor, além da natureza estonteante está a formação de lindas piscinas naturais na maré baixa. Isso, claro, graças à presença dos arrecifes de corais, que adicionam doses extras de beleza ao cenário. Prepare-se para observar peixes coloridos e para perder a noção do tempo enquanto curte este paraíso.

em Tamandaré o destaque vai, sem qualquer sombra de dúvida, para a Praia dos Carneiros. O mar manso, de água quentinha e transparente, dá o tom da visita. Por outro lado, a distância de Recife é maior: em linha reta ela é de quase 81 km, mas de condução o percurso fica maior e salta para pouco mais de 100 km.

Praia dos Carneiros Tamandare Pernambuco shutterstock 1305303205

Vista aérea da bela Praia dos Carneiros, em Tamandaré, em Pernambuco | Crédito: Shutterstock

Quer ir para Recife? 

E aí, agora que você já sabe o que fazer em Recife, que tal fazer do destino a sua próxima viagem? A aventura pode ser ainda melhor se você contar com o auxílio de um(a) agente de viagens, viu? Mesmo porque só um(a) profissional consegue criar um roteiro que seja a sua cara e que caiba no seu bolso. Então não perca tempo, não, e comece a tirar essa trip do papel!

12 destinos nacionais mais buscados pelo público LGBT+
Quais são os estados do Nordeste do Brasil: números, capitais e curiosidades

Depois não se esqueça de voltar aqui pra contar pra gente como foi, viu? Isso porque seu depoimento pode ajudar a esclarecer as dúvidas de outras pessoas 😉

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Your compare list

Compare
REMOVE ALL
COMPARE
0