Rio de Janeiro: conheça algumas dicas infalíveis que fazem da visita uma experiência única

shutterstock 1315200035 Cópia

Rio de Janeiro | Crédito: Shutterstock

Cristo Redentor, Pão de Açúcar, Corcovado, Réveillon de Copacabana, Garota de Ipanema, Baía de Guanabara, Carnaval, escolas de samba, pizza com ketchup… ahhhh, o Rio de Janeiro! Ô Cidade Maravilhosa, que dispensa grandes apresentações e é um ímã para turistas do mundo todo. Em 2018, a capital respondeu por 29,7% do total de chegadas internacionais no país, motivadas pela busca por lazer, e 19,7% no corporativo, ocupando, respectivamente, a liderança e a vice-liderança nacionais em tais segmentos.

Figurando absoluta entre os principais cartões-postais do Brasil para férias e negócios, fala sério: além de lindo, o Rio é ou não é um pacote completo de janeiro a janeiro? O Segue Viagem resolveu te propor um tour fora do comum por ali com a ajuda de Tania Presmic, moradora da cidade, diretora Comercial da Intertouring Receptivo e uma superespecialista em criar roteiros surpreendentes. Todos a postos para o embarque? Já é!

 ALÔ, VIAJANTES: UM SALVE CARIOCA

Rio de Janeiro | Crédito: Shutterstock

Rio de Janeiro | Crédito: Shutterstock

 De pontos turísticos e programas imperdíveis o destino entende muito bem, obrigado. E a realidade é que, no Rio, a parte difícil é escolher o que fazer primeiro. Indo das praias aos patrimônios urbanos, das compras a uma rica gastronomia e dos refúgios ecoturísticos à vida boêmia, fora os clássicos dos clássicos, mencionados no comecinho do texto e os quais quase todo mundo conhece, saca só os lugares que, de acordo com os nativos, precisam, sim, fazer parte de qualquer roteiro.

“Quando o assunto é entretenimento, um dos points mais procurados por quem mora na cidade com certeza é o Quiosque So.Ga Beach. Ganhador do Prêmio Sabores da Orla, une comida boa, ambiente acolhedor e o típico charme da Praia de São Conrado. Com relação a atrativos históricos, uma visita que considero transformadora é ao belíssimo Instituto Moreira Salles, que reúne acervo diversificado e exposições importantíssimas para a cultura brasileira”, indica Tania.

PASSEIOS BONITOS POR NATUREZA

Museu do Amanhã - Rio de Janeiro | Crédito: Divulgação

Museu do Amanhã – Rio de Janeiro | Crédito: Divulgação

Tendo uma autêntica coleção de tesouros naturais sob seu aconchego, quem já teve a oportunidade de conhecer o Rio pessoalmente sabe bem que o apelido de Cidade Maravilhosa cai como uma luva. Paraíso para quem se amarra em sol, mar e muito verde, dos refúgios ecológicos recomendados pela nossa guia três parques merecem destaque.

“São eles: o Parque Nacional da Tijuca, tido como uma das maiores florestas urbanas do mundo; o Parque Lage, aos pés do Corcovado e abrigo de escolas de arte com cursos gratuitos para adultos e crianças; e o Sítio Roberto Burle Marx, majestosa área de preservação da flora brasileira batizada com o nome do arquiteto e paisagista que morou ali até o fim de sua vida. Agora, se a ideia for contemplar um maravilhoso pôr do sol, a área externa do inovador Museu do Amanhã é uma escolha sem erro”, recomenda a mandachuva da Intertouring.

PURO SUINGUE E SANGUE BOM

Crédito: Shutterstock

Crédito: Shutterstock

Berço da boemia e de uma animada vida noturna, abrilhantada pela presença de inúmeros bares e restaurantes, se a intenção for badalar pelas terras cariocas como seus moradores aqui vai uma listinha com lugares que não decepcionam. “Para provar a autêntica culinária fluminense, minha sugestão é apostar nos cardápios dos tradicionais botecos da capital – como o Pavão Azul, em Copacabana, e o Jobi e o Desacato Bar & Restaurante, ambos no Leblon – ou na mistura irresistível entre bom gosto e música, servida na feijoada da quadra da escola de samba Portela.”

Se a busca for por restaurantes mais intimistas, que primam pela alta gastronomia e têm como pano de fundo as célebres paisagens cariocas, Tania compartilha duas opções que não deixam ninguém passar vontade: o sofisticado Xian Lounge Restaurante Club, na cobertura do Bossa Nova Mall, e o descolado Clássico Beach Club Urca, situado no Morro da Urca e que oferece uma vista panorâmica da metrópole. “Ao cair da noite, hora de curtir a animação que toma conta da Rua Lavradio e/ou apreciar um show no Circo Voador, ambos na Lapa. Programações essas que, definitivamente, são a cara do Rio”, complementa.

VIZINHANÇA DE MARAVILHAS

Petrópolis - Rio de Janeiro | Crédito: Shutterstock

Petrópolis – Rio de Janeiro | Crédito: Shutterstock

Não dá para se cansar do Rio, a gente sabe. Mas que tal uma voltinha pelos arredores da cidade? E nem precisa escolher entre praia e montanha, não: ali tem os dois. “Na região serrana, destaco a cidade de Petrópolis, com atrativos históricos – como o Museu Imperial e a Casa de Santos Dumont – e a qual representa um convite irrecusável para um tour cervejeiro, gastronômico e de compras, sobretudo de roupas (incluindo lã, malha e jeans). Já na costa litorânea, minha dica é o tranquilo Bairro da Passagem, em Cabo Frio, recanto centenário de construções coloniais, bares e restaurantes supergraciosos. O lugar é perfeito para um momento de descanso e descontração”, finaliza ela.

Gostou da matéria? Então confira na íntegra todas as outras da revista Segue Viagem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Your compare list

Compare
REMOVE ALL
COMPARE
0