Rio de Janeiro: conheça algumas dicas infalíveis que fazem da visita uma experiência única

Cristo Redentor, Pão de Açúcar, Corcovado, Réveillon de Copacabana, Garota de Ipanema, Baía de Guanabara, Carnaval, escolas de samba, pizza com ketchup… ahhhh, o Rio de Janeiro! Ô Cidade Maravilhosa, que dispensa grandes apresentações e é um ímã para turistas do mundo todo. Em 2018, a capital respondeu por 29,7% do total de chegadas internacionais no país, motivadas pela busca por lazer, e 19,7% no corporativo, ocupando, respectivamente, a liderança e a vice-liderança nacionais em tais segmentos.

Figurando absoluta entre os principais cartões-postais do Brasil para férias e negócios, fala sério: além de lindo, o Rio é ou não é um pacote completo de janeiro a janeiro? O Segue Viagem resolveu te propor um tour fora do comum por ali com a ajuda de Tania Presmic, moradora da cidade, diretora Comercial da Intertouring Receptivo e uma superespecialista em criar roteiros surpreendentes. Todos a postos para o embarque? Já é!

 ALÔ, VIAJANTES: UM SALVE CARIOCA

Rio de Janeiro | Crédito: Shutterstock

Rio de Janeiro | Crédito: Shutterstock

 De pontos turísticos e programas imperdíveis o destino entende muito bem, obrigado. E a realidade é que, no Rio, a parte difícil é escolher o que fazer primeiro. Indo das praias aos patrimônios urbanos, das compras a uma rica gastronomia e dos refúgios ecoturísticos à vida boêmia, fora os clássicos dos clássicos, mencionados no comecinho do texto e os quais quase todo mundo conhece, saca só os lugares que, de acordo com os nativos, precisam, sim, fazer parte de qualquer roteiro.

“Quando o assunto é entretenimento, um dos points mais procurados por quem mora na cidade com certeza é o Quiosque So.Ga Beach. Ganhador do Prêmio Sabores da Orla, une comida boa, ambiente acolhedor e o típico charme da Praia de São Conrado. Com relação a atrativos históricos, uma visita que considero transformadora é ao belíssimo Instituto Moreira Salles, que reúne acervo diversificado e exposições importantíssimas para a cultura brasileira”, indica Tania.

PASSEIOS BONITOS POR NATUREZA

Museu do Amanhã - Rio de Janeiro | Crédito: Divulgação

Museu do Amanhã – Rio de Janeiro | Crédito: Divulgação

Tendo uma autêntica coleção de tesouros naturais sob seu aconchego, quem já teve a oportunidade de conhecer o Rio pessoalmente sabe bem que o apelido de Cidade Maravilhosa cai como uma luva. Paraíso para quem se amarra em sol, mar e muito verde, dos refúgios ecológicos recomendados pela nossa guia três parques merecem destaque.

“São eles: o Parque Nacional da Tijuca, tido como uma das maiores florestas urbanas do mundo; o Parque Lage, aos pés do Corcovado e abrigo de escolas de arte com cursos gratuitos para adultos e crianças; e o Sítio Roberto Burle Marx, majestosa área de preservação da flora brasileira batizada com o nome do arquiteto e paisagista que morou ali até o fim de sua vida. Agora, se a ideia for contemplar um maravilhoso pôr do sol, a área externa do inovador Museu do Amanhã é uma escolha sem erro”, recomenda a mandachuva da Intertouring.

PURO SUINGUE E SANGUE BOM

Crédito: Shutterstock

Crédito: Shutterstock

Berço da boemia e de uma animada vida noturna, abrilhantada pela presença de inúmeros bares e restaurantes, se a intenção for badalar pelas terras cariocas como seus moradores aqui vai uma listinha com lugares que não decepcionam. “Para provar a autêntica culinária fluminense, minha sugestão é apostar nos cardápios dos tradicionais botecos da capital – como o Pavão Azul, em Copacabana, e o Jobi e o Desacato Bar & Restaurante, ambos no Leblon – ou na mistura irresistível entre bom gosto e música, servida na feijoada da quadra da escola de samba Portela.”

Se a busca for por restaurantes mais intimistas, que primam pela alta gastronomia e têm como pano de fundo as célebres paisagens cariocas, Tania compartilha duas opções que não deixam ninguém passar vontade: o sofisticado Xian Lounge Restaurante Club, na cobertura do Bossa Nova Mall, e o descolado Clássico Beach Club Urca, situado no Morro da Urca e que oferece uma vista panorâmica da metrópole. “Ao cair da noite, hora de curtir a animação que toma conta da Rua Lavradio e/ou apreciar um show no Circo Voador, ambos na Lapa. Programações essas que, definitivamente, são a cara do Rio”, complementa.

VIZINHANÇA DE MARAVILHAS

Petrópolis - Rio de Janeiro | Crédito: Shutterstock

Petrópolis – Rio de Janeiro | Crédito: Shutterstock

Não dá para se cansar do Rio, a gente sabe. Mas que tal uma voltinha pelos arredores da cidade? E nem precisa escolher entre praia e montanha, não: ali tem os dois. “Na região serrana, destaco a cidade de Petrópolis, com atrativos históricos – como o Museu Imperial e a Casa de Santos Dumont – e a qual representa um convite irrecusável para um tour cervejeiro, gastronômico e de compras, sobretudo de roupas (incluindo lã, malha e jeans). Já na costa litorânea, minha dica é o tranquilo Bairro da Passagem, em Cabo Frio, recanto centenário de construções coloniais, bares e restaurantes supergraciosos. O lugar é perfeito para um momento de descanso e descontração”, finaliza ela.

Gostou da matéria? Então confira na íntegra todas as outras da revista Segue Viagem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Your compare list

Compare
REMOVE ALL
COMPARE
0