19 ilhas paradisíacas para conhecer ao redor do mundo

Nada melhor que praia, sombra e água fresca, não é mesmo? Agora, já imaginou fazer isso tudo em um ilha paradisíaca, tendo como companhias o mar, o sol e quem mais você desejar? Você é o nosso convidado para conhecer 19 destinos extraordinários no Brasil e no mundo e para começar a sonhar desde já com a sua próxima viagem.

Spoiler: certamente você vai se apaixonar à primeira vista. Confira!

Antiparos (Grécia)

Antiparos Grécia

Antiparos – Grécia | Crédito: Shutterstock.com/Christophe Anagno

Ilhota a 30 minutos de Paros, no arquipélago das Cíclades, na Grécia, conta com dezenas de praias de água azul-turquesa e areia fofa. Para os que quiserem mais privacidade e/ou descansar em um local mais isolado, vale procurar pelas praias mais afastadas e menos populosas. Além das belezas na costa da ilha, Antiparos é um destino conhecido também por abrigar cavernas repletas de estalactites.

Fernando de Noronha (Brasil)

Um dos mais conhecidos arquipélagos brasileiros, Fernando de Noronha encanta a todos com suas praias e mar cristalino, levemente azulado. O local oferece várias atrações para os visitantes, entre elas mergulho com ou sem o snorkel, observação de golfinhos, trilhas e passeio de barco, bem como um tour pela região histórica.

Taiti (Polinésia Francesa)

Taiti Polinésia Francesa

Taiti – Polinésia Francesa | Crédito: Shutterstock.com/ Maridav

Esbanjando uma paisagem de tirar o fôlego, o Taiti é a maior ilha do Arquipélago da Sociedade, na Polinésia Francesa, formada por 118 ilhotas. Águas translúcidas protegidas por corais, praias de areia branca e temperatura agradável são sinônimos do local. No Taiti, os turistas podem visitar também o Jardim Botânico, que exibe uma seleção impressionante de vegetação tropical.

Toque Toque Grande (Brasil)

Toque Toque Grande SP

Toque Toque Grande – litoral norte de São Paulo | Crédito: Shutterstock.com/ Leandro Walicek

Apesar do nome, a ilha de Toque Toque Grande, no litoral norte de São Paulo, tem apenas 400 metros de extensão. Com uma praia de areias grossas, o local é residencial e conhecido pela tradição da pesca. Pouco conhecida e com rica natureza marinha, é ideal para aqueles que querem mergulhar ou simplesmente relaxar.

Ilhabela (Brasil)

Também no litoral norte de São Paulo, Ilhabela é um dos único municípios-arquipélagos do Brasil. Além das praias, as cachoeiras presentes na região são ótimas opções para os visitantes – uma delas, inclusive, tem uma queda de 20 metros de altura. Algumas das praias do arquipélago são acessíveis somente de barco.

Ilhas de Andamão (Índia)

Andamão Ilha Índia

Ilhas Andamão – Índia | Crédito: Shutterstock.com/CRS PHOTO

Localizadas no Mar de Andamão, no Oceano Índico, as ilhas desse arquipélago são habitadas em sua grande parte pela população nativa. A única maneira de chegar lá é de barco ou avião. Ostentando 570 ilhas de praias de mar azul-turquesa e areia branca, a região não decepciona quem estiver à procura de lugares fascinantes e fotos de cair o queixo.

Fuerteventura (Ilhas Canárias)

Furteventura Ilhas Canárias

Fuerteventura – Ilhas Canárias | Crédito: Shutterstock.com/MagicFootage

Fuerteventura é uma das ilhas do arquipélago das Canárias. Com mais de 150 praias, a ilhota é dona dos mais extensos areais do arquipélago. De origem vulcânica, algumas praias têm areia mais grossa e em uma cor escura, mas o mar é sempre azulado e na temperatura certa para se refrescar.

Groenlândia (Dinamarca)

Groenlândia

Catedral em Nuuk, capital da Groenlândia | Crédito: Shutterstock.com/Chris Christophersen

Apesar do clima não ser tropical, a Groenlândia é considerada a maior ilha do mundo em questão de território. É cercada pelo Oceano Glacial Ártico ao norte, pelo Mar da Groenlândia a leste, pelo Oceano Atlântico ao sul e pelo Mar do Labrador e baía de Baffin a oeste. Uma boa dica é fazer um passeio ou expedição em um trenó puxado por cães nas montanhas e vales nevados. Na cidade também é possível observar o sol da meia-noite e a aurora boreal, um legítimo espetáculo da natureza.

Hayman Island

Whitsunday Island Austrália

Ilhas Whitsunday, das quais a Ilha Hayman faz parte – Austrália | Crédito: Shutterstock.com/Andrew Atkinson

Com quatro quilômetros quadrados de área e localizada no coração da Grande Barreira de Coral, esta ilha fica na Austrália. Com dois resorts de luxo, encanta a todo com o mar azul-esverdeado e suas praias de areia branca.

Ilhas Malvinas

Ilhas Malvinas

Praia em Gypsy Cove, nas ilhas Falkland – Ilhas Malvinas | Crédito: Shutterstock.com/CherylRamalho

O arquipélago onde estão localizadas as Ilhas Malvinas está no sul do Oceano Atlântico e é composto pela Malvina Ocidental, Malvina Oriental e outras 776 ilhotas. Rodeado por rica e bela natureza, no local os visitantes ainda conseguem ver de pertinho os pinguins, que marcam presença em algumas praias.

Ilha do Mel (Brasil)

Ilha do Mel

Ilha do Mel – Paraná – Brasil | Crédito: Shutterstock.com/iladm

No Paraná e com 35 quilômetros só de praia, para visitar a Ilha do Mel é preciso disposição, já que as ruas da cidade são de areia e carros são proibidos. Outra dica importante é chegar cedo, especialmente se for conhecer a ilha na alta temporada, já que ela tem acesso limitado e só recebe 5 mil pessoas por dia. Cento e cinquenta degraus levam os visitantes até o alto do Morro das Conchas. Ali fica um farol datado de 1872, que não é aberto para o público mas que descortina uma deslumbrante vista panorâmica.

Ilhas Phi Phi (Tailândia)

O arquipélago foi cenário do filme “A Praia”, estrelado por Leonardo DiCaprio. Com águas mansas e absolutamente cristalinas, elas são cercadas por majestosas falésias de pedra calcária, que dão uma sensação de isolamento. A vida submarina da ilha é riquíssima, e os visitantes que mergulharem podem encontrar tubarões, tartarugas, peixe-balão, cardumes de peixes coloridos e barreiras de corais intactos.

Lanai (Havaí)

Lanai Havaí

Ilha Lanai – Havaí | Crédito: Shutterstock.com/Joe West

Conhecida como a Ilha do Abacaxi, Lanai é uma das ilhotas mais intocadas do Havaí. No entanto, reserva várias atrações para os que a visitam, permitindo desde descansar em suas praias até caminhar pelas falésias, para os mais aventureiros. Dica: no inverno dá para observar as baleias.

Ilha de Marajó (Brasil)

Ilha de Marajó

Praia de Barra Velha, em Soure – Ilha de Marajó – Brasil | Crédito: Shutterstock.com/Mariano Villafane

O maior arquipélago flúvio-marítimo do mundo, banhado pelo Oceano Atlântico e pelos rios Amazonas e Tocantins. Doze cidades formam a ilha, mas as duas mais desenvolvidas no quesito turismo são Soure e Salvaterra. Além das belezas naturais em toda a ilha, os visitantes podem conhecer também réplicas de cerâmica dos marajoara, antigo povo que habitou a ilha, e assistir às tradicionais apresentações de dança.

Ilha de Páscoa (Chile)

Ilha de Páscoa Chile

Ilha de Páscoa – Chile | Crédito: Shutterstock.com/Kristopher Kettner

Descoberta no domingo de Páscoa de 1722 e posteriormente anexada pelo Chile, a ilha está localizada a 3.500 quilômetros da costa do país. De origem polinésia, o arquipélago é mais conhecido pelas gigantescas estátuas de pedra vulcânicas que pesam até 80 toneladas – e não há nenhuma pista de quem as construiu. Entre as praias de mar azulado e relevo vulcânico, o local é ótimo para fazer trilhas, andar de bicicleta, a cavalo ou mesmo a pé, apreciando a vista.

Ilha de Vancouver (Canadá)

Ilha de Vancouver

Ilha de Vancouver – Canadá | Crédito: Shutterstock.com/JeniFoto

Parte da Colúmbia Britânica no oeste do Canadá, a ilha Vancouver é uma das maiores do país: ocupa uma área de mais de 30 mil quilômetros quadrados e abriga uma natureza intocada em florestas, montanhas e diversos parques nacionais e pequenas ilhotas. Nos últimos anos, a migração das baleias cinzentas se tornou parte das atrações do destino.

Menorca (Espanha)

Menorca Espanha

Ilha de Menorca – Espanha | Crédito: Shutterstock.com/Kite_rin

Uma das menores ilhas entre as Baleares, Menorca tem um litoral recortado por pequenas prainhas que são quase desertas. Boa parte da ilha faz parte de um parque nacional, o que dá aos visitantes uma quantidade enorme de praias totalmente preservadas. A prática de esportes aquáticos é comum, como vela, windsurfe, esqui aquático e, claro, mergulho.

Okinawa (Japão)

Okinawa Japão

Okinawa Japão

No sul do Japão, esse arquipélago reúne cerca de 169 ilhas e tem um clima tropical, podendo ser encarado como um pedacinho do Caribe na Ásia. Com resorts luxuosos e ilhas quase totalmente isoladas, Okinawa é ideal para aqueles que querem relaxar.

O arquipélago é dividido em três grupos menores de ilhas: Okinawa (onde estão a capital Naha e as ilhas Kerama, Tokashiki, Ie e Kume), Miyako e Yaeyama (formada pelas ilhas Iriomote e Ishigaki). Cada uma se difere das demais, exibindo seus próprios costumes, então vale a pena reservar o maior tempo possível para visitar todas!

Ilha Grande (Brasil)

Praia da Feiticeira, em Ilha Grande – Rio de Janeiro | Crédito: Valdiney Pimenta

Localizada em Angra dos Reis, a Ilha Grande é recheada de atrativos naturais. Passeios marítimos por suas águas azuis e cristalinas são a grande atração do local. A Lagoa Azul, piscina natural com fundo arenoso, é um dos principais pontos turísticos. Além de mergulho, com ou sem snorkel, os visitantes podem também alimentar os “sargentinhos” presentes na lagoa.

Fonte: Panrotas 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Your compare list

Compare
REMOVE ALL
COMPARE
0