Nova Zelândia deve reabrir para brasileiros vacinados até julho

shutterstock 481997797

Mount Cook - Nova Zelândia | Crédito: Shutterstock

Wellington Nova Zelandia shutterstock 352857554

Vista aérea de Wellington, na Nova Zelândia | Crédito: Shutterstock

Fechada desde o início de 2020 para visitantes estrangeiros, a Nova Zelândia finalmente anunciou um plano de reabertura de suas fronteiras, que deve se iniciar já neste mês e, em cinco etapas, ser completa até outubro. Viajantes provenientes do Brasil, completamente vacinados, em princípio, estarão liberados até julho, mas com data ainda indefinida. Segundo o governo local, essas datas poderão ser antecipadas, a depender do andamento da pandemia após a reabertura.

Filipinas voltam a receber turistas vacinados em fevereiro

O governo neozelandês garante que o projeto é muito cuidadoso e substitui a necessidade de quarentena obrigatória e isolamento mais rigoroso para a maioria dos viajantes, enquanto assegura medidas de redução da proliferação do COVID-19 em seu território. Recuperar a economia local é prioridade da Nova Zelândia com o plano.

O país da Oceania tem 94% de sua população completamente vacinada e 92% dos cidadãos adultos estão elegíveis para doses de reforço até o fim de fevereiro.

As cinco etapas de reabertura da Nova Zelândia:

shutterstock 481997797

Mount Cook – Nova Zelândia | Crédito: Shutterstock

ETAPA 1 – A partir de 27 de fevereiro

– Reabertura para neozelandeses vacinados e outros viajantes qualificados nas configurações atuais de fronteiras (como vistos especiais) provenientes da Austrália. 

ETAPA 2 – A partir de 13 de março

– Reabertura para neozelandeses vacinados e outros viajantes qualificados do resto do mundo. 

– Reabertura para viajantes com visto de trabalho em Turismo, hospitalidade, setor vinícola e horticultura com pelo menos 1,5 salário mínimo. 

– Reabertura para pessoas com visto do tipo Working Holiday. 

ETAPA 3 – A partir de 12 de abril

– Reabertura para detentores de visto do tipo Offshore e para mais de cinco mil estudantes com visto para o segundo semestre. 

ETAPA 4 – Até julho (data indefinida)

– Reabertura oficial para o viajante internacional de lazer proveniente de países que tenham acordo de isenção de visto com a Nova Zelândia, como o Brasil, desde que completamente vacinados. 

– Reabertura para qualquer visitante proveniente da Austrália. 

ETAPA 5 – Até outubro (data indefinida)

– Reabertura total para qualquer visitante internacional, desde que com visto permitido. 

Protocolos de entrada (obrigatório em todas as etapas)

Todos os neozelandeses e estrangeiros que chegam ao país receberão três testes de antígeno ainda no aeroporto. Um para o primeiro dia, um para o quinto ou sexto dia e, o terceiro, para reserva. 

Alemanha altera regras de entrada para brasileiros; confira

Em princípio, a Nova Zelândia vai exigir autoisolamento dos visitantes por dez dias, com monitoramento do governo. A partir de março este período cai para sete dias. A depender da evolução do quadro pandêmico, esta quantidade temporal pode cair. 

Fonte: Panrotas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Your compare list

Compare
REMOVE ALL
COMPARE
0