Pelo mundo afora: como funciona a locação de carros no exterior

Crédito: Shutterstock

Crédito: Shutterstock

Ter a liberdade de dirigir o próprio roteiro em uma viagem sobre quatro rodas tem se tornado um caminho cada vez mais trilhado pelos brasileiros. Porém, para evitar que o cliente se perca durante esse percurso, é fundamental ajudá-lo a fazer uma revisão completa – e isso considerando não apenas o automóvel, mas também todo o processo que envolve o aluguel internacional de veículos.

Diferindo da locação de carros no Brasil em aspectos culturais e legais, antes de pisar no acelerador em solo estrangeiro o primeiro passo deve envolver a definição dos destinos que se pretende visitar.

“Em cidades como Orlando e Miami a logística da viagem fica muito mais complexa sem um carro. Ainda assim, nos últimos anos o segmento tem experimentado crescimento até mesmo em destinos nos quais a demanda não costumava ser tão alta. Até pouco tempo, quando se pensava em ir a Barcelona ou Paris, por exemplo, alugar um carro era dispensável. No entanto, o viajante atual quer flexibilidade para explorar o que há além dos grandes centros. E é aí que a locação de veículos se encaixa como uma luva”, explica Paola Belon, diretora de Vendas e Operações da Avis Budget.

AQUECENDO OS MOTORES

Crédito: Shutterstock

Crédito: Shutterstock

Trajeto estabelecido? Então é hora de focar nas exigências para a locação no exterior, que variam de país para país e abrangem variáveis como frota, idade mínima dos condutores, motorista adicional, documentação obrigatória, cobertura, regras de travessia e limite disponível no cartão de crédito para bloqueio de caução.

Para garantir a segurança ao longo de todo o processo, as locadoras exigem que o viajante preencha alguns pré-requisitos para formalizar o aluguel do veículo, como apresentar passaporte, Carteira Nacional de Habilitação – ambos válidos, é importante pontuar – e um cartão de crédito em nome do titular da reserva, necessário mesmo em viagens corporativas, com limite disponível para depósito de segurança.

“É aconselhável também ter em mãos a Permissão Internacional para Dirigir (PDI), exigida na Europa e em alguns estados norte-americanos, como o da Geórgia. Cabe ressaltar ainda que a idade mínima do condutor, seja ele o principal e/ou o adicional, é de 25 anos completos. A locação para motoristas a partir de 21 anos é permitida em alguns países apenas mediante o pagamento de uma taxa adicional”, conta Luiz Moura, diretor-geral da Insight Travel Marketing Solutions, porta-voz da Europcar no Brasil.

Mas não é só isso, não! De acordo com Iara Vachiaveo, promotora da Strategic Market Intelligence (SMI), empresa que representa a Alamo Rent a Car no país, há uma série de outras recomendações que a locadora deve compartilhar com o viajante. “Verificar a legislação de trânsito e as regras locais de cobrança de pedágio, atentar-se ao combustível mais adequado para abastecer o veículo, ler atentamente o contrato antes de assiná-lo, checar os itens inclusos na tarifa – visto que proteções, upgrades de categoria e serviços adicionais poderão ser debitados do cartão de crédito –, e não se esquecer de registrar um Boletim de Ocorrência em caso de sinistro, isto é, se houver acidente, roubo ou outro tipo de imprevisto coberto pelo seguro contratado, são exemplos práticos do que o passageiro precisa ter em mente”, afirma a executiva.

PARA MANDAR BEM NA ESCOLHA

Crédito: Shutterstock

Crédito: Shutterstock

E quanto ao veículo, hein? Diante de tantas marcas e modelos disponíveis no mercado, uma dúvida se faz frequente: qual é a melhor opção a ser escolhida? Bem, é fundamental saber o número de passageiros e a quantidade – e o tamanho! – das bagagens, evitando, assim, ter de solicitar um carro maior no momento da retirada e pagar pelo upgrade de categoria.

“A resposta para essa pergunta vai depender da preferência do cliente e do estilo da viagem. De maneira geral, os veículos 4×4 ou 4×2 se mostram apropriados para destinos de esqui ou montanhas, enquanto as minivans são ótimas para famílias. Já os carros esportivos e de luxo são os favoritos de quem quer viver a experiência de pilotar uma máquina potente com toda a tranquilidade e segurança que só a locação de um carro com uma empresa experiente no ramo é capaz de proporcionar”, comenta Adriano Aguiar, diretor de Vendas e Marketing da SG Rentals – a companhia é a representante oficial da Hertz Internacional por aqui.

VOCÊ SABIA?

Confira algumas curiosidades sobre o aluguel de carros ao redor do mundo:

– É obrigatório por lei que todo veículo circule com um “kit bafômetro” na França;

– Na Suíça, é necessário ter um selo especial para cruzar a fronteira;

– É preciso um selo especial para cruzar áreas de preservação ambiental na Alemanha;

– Há zonas históricas restritas ao tráfego de veículos alugados na Itália – e também há ressalvas para grupos de carros com modelos da Mercedes-Benz;

– Em Londres, existe uma taxa de pedágio para percorrer a região central da cidade;

– No Chile, o GPS não é garantido, mesmo quando confirmado em reserva, sendo indicado que o passageiro leve o seu próprio aparelho.

O QUE AS GRANDES OFERECEM

ALAMO RENT A CAR

Diferenciais: contratos em português; quiosques de autoatendimento para retirada de automóveis; locadora oficial do Walt Disney World Resort e única com loja no complexo; frota dos EUA equipada com pneus “all weather” (para trafegar na neve); e disponibilização dos serviços Alamo Select (o passageiro escolhe o veículo dentro da categoria reservada), Toll Pass (pagamento de pedágios por meio de uma foto da placa do carro) e OnRamp Concierge (guia virtual com dados do veículo e dicas de atrações turísticas, acessível por meio de QR Code).

AVIS BUDGET

Diferenciais: frota constantemente renovada e livre de odor de fumaça; contratos em português nos EUA e principais aeroportos da Europa e América Latina; isenção da cobrança de taxa para menores de 25 anos nas locações norte-americanas (vale somente para reservas pré-pagas no Brasil); reembolso de diárias pagas e não utilizadas; e serviço de assistência em rodovias (RSN) incluído nas tarifas “All Inclusive com GPS”.

 EUROPCAR

Diferenciais: presente em mais de 150 países; líder global em aluguel de carros e mobilidade urbana; serviço de pré-pagamento disponível em mais de 30 países e sistema operacional de buy-back, o que significa a recompra de 96% dos carros da frota pelas montadoras europeias em um prazo máximo de seis meses de uso e baixa quilometragem.

HERTZ INTERNACIONAL

Diferenciais: preços competitivos; presença global; manutenção contínua dos veículos; Hertz Business Rewards Program (focado em viagens corporativas e pequenas e médias empresas); Hertz Gold (programa para clientes frequentes) e Hertz Partners (com comissões atrativas para os agentes de viagens).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Your compare list

Compare
REMOVE ALL
COMPARE
0