Esquiando pela Argentina e pelo Chile

Blog Segue Viagem
|

Na hora de escolher o destino perfeito para sua viagem, há quem prefira trocar as areias escaldantes do litoral por um vento gelado e a neve branquinha. E nem precisa ir para muito longe: aqui mesmo na América do Sul temos ótimos destinos de inverno, como a Argentina e o Chile. As nevascas começam antes mesmo da chegada do inverno e podem se estender até o início de outubro, mas a alta temporada é o mês de julho.

Bariloche – Argentina | Foto: Emprotur

As grandes estações de esqui tem uma estrutura que não se limita às pistas. É possível se arriscar em outras modalidades, como o tubing, moto de neve e passeios com calçados especiais; e aproveitar as delícias gastronômicas, centros de compras charmosos, hotéis confortáveis, paisagens espetaculares e refúgios românticos que existem aos montes por ali.

Bariloche além das estações de esqui

San Martín de los Andes

Bariloche e Ushuaia, na Argentina, e o Valle Nevado, no Chile, são alguns dos pontos mais famosos de esqui na América do Sul – e já falamos deles aqui no blog. Mas há mais locais para explorar, como San Martín de los Andes, a província argentina de Neuquén. A 45 quilômetros da fronteira com o Chile, a cidade abriga o Cerro Chapelco, a apenas 20 quilômetros do centro. O centro invernal local tem 140 hectares de área esquiável distribuídas em 31 pistas para esportistas de diversos níveis, além de um Snow Park e dos vários itinerários freeride para os mais radicais. O pico está 1.980 metros acima do nível do mar.

Ushuaia: esquiando no fim do mundo

Chapelco tem um centro de treinamento para os praticantes de snowboard que desejam se aprimorar no freestyle, modalidade que inclui manobras como saltos sobre rampas e obstáculos. Outro local que é palco para aventuras extremas é o Terrain Park, a 1.790 metros de altitude, que desafia o esportista a percorrer uma série com três saltos de dificuldades e alturas variadas. Se a sua praia é a tranquilidade, dá para fazer passeios em moto de neve, com raquetes de neve ou em trenós puxados por Huskies Siberianos.

Chile

Santiago – Chile | Crédito: Shutterstock.com

Já o Chile abriga o centro de esqui de Portillo, a pouco mais de duas horas de Santiago. O enorme complexo conta com um grande hotel, dois lodges e cinco chalés, além de centro de wellness, academia e restaurantes. As pistas recebem tanto iniciantes quanto experts, e ainda têm um projeto para receber o esqui adaptado para todos que têm necessidades especiais. Quer algo mais radical? Arrisque-se no heliski, modalidade na qual os praticantes são transportados de helicóptero até pistas virgens nos picos do entorno.

A Patagônia e suas paisagens deslumbrantes

O Portillo ainda realiza uma série de eventos especiais, como as Family Weeks, semanas temáticas com atrações voltadas às famílias que viajam com crianças; e a Semana del Vino, com palestras, visitas às bodegas e degustações de famosos vinhos chilenos.


Escrever Comentário

Com um agente de viagens, faça chuva ou faça sol, a sua tranquilidade é garantida.

Véspera de férias? Então bora dormir tranquilo, com a certeza de que o seu aéreo, reservas em hotéis e serviços estão confirmados.

Veja Mais

Os agentes de viagens estão aqui pra te ajudar a ter a viagem dos sonhos com a tranquilidade que você merece ;)

Veja Mais