CONHEÇA CAIRO e suas atrações imperdíveis

O grande volume de pessoas, o barulho e o caos do trânsito (não se assuste, o “buzinaço” é constante) em nada tiram o charme dos contrastes dessa metrópole tão cheia de vida e história. Após o primeiro impacto e o choque cultural, o destino vai envolvendo o turista e, inevitavelmente, ele percebe que Cairo deve ser vista, ouvida e sentida em toda sua magia. O destino tem atrações milenares e monumentos que desafiam o tempo, como é o caso das famosas e emblemáticas pirâmides.



CAIRO PREVISÃO DO TEMPO
  • Cairo - Egito | Crédito: Science Freak

    Necrópole de Gizé

    Não tem como pensar em Egito sem imediatamente virem à mente as famosas, imponentes e misteriosas pirâmides. Sendo assim, não é de se espantar que elas sejam o grande destaque do destino. Em outras palavras, é imprescindível uma visita à Necrópole de Gizé, onde estão as milenares Quéops (uma das Sete Maravilhas do Mundo Antigo), Quéfren e Miquerinos, bem como a Grande Esfinge, com mais de 20 metros de altura e 73 metros de comprimento.

Pontos Turísticos

ATRAÇÕES NOTURNAS

Deixe-se envolver pela noite do Cairo. Há uma vasta gama de restaurantes para apreciar os sabores locais. Bares e casas de chá e café são bons lugares para frequentar e experimentar um narguilé, mas nem todos aceitam mulheres. Entre as boas pedidas está o Cairo Jazz Club, que, apesar do nome, tem de tudo, de jazz a indie.

COMPRAS

Os mercados espalhados pela cidade garantem ótimas aquisições – sedas e especiarias são os produtos mais procurados. Contudo, é preciso ter em mente que tudo no Egito deve ser barganhado. Nem pense em comprar algo de primeira. A pechincha é esperada pelos vendedores, tanto é que eles sempre jogam o preço lá em cima. Sabendo negociar, você consegue levar por menos de 70% do valor. Fique atento, pois ao soar do muezim, chamado para oração que ecoa de alto-falantes nos minaretes das mesquitas, tudo para, inclusive o comércio.

CALENDÁRIO DE EVENTOS IMPORTANTES

  • Feira do Livro (janeiro)
  • Festival da Primavera (abril)
  • Fim do jejum do Ramadã (julho)
  • Festival Internacional da Canção (agosto)
  • Festival de Teatro Experimental (setembro)
  • Ano Novo Islâmico (setembro)
  • Festival Internacional de Cairo (dezembro)

COMO CHEGAR

Não há voos diretos entre o Brasil e o Egito, mas o Cairo, porta de entrada do país, conta com diversos voos provenientes das principais capitais europeias e de destinos árabes. O aeroporto internacional está a 22 quilômetros da cidade e é ligado por duas vias de acesso. Há transfers e ônibus que fazem o trajeto. Caso prefira ir de táxi, o percurso leva cerca de 30 minutos e é altamente recomendável negociar antes um valor.

A MELHOR ÉPOCA PARA IR

Por ter um clima quente e seco, os termômetros chegam a marcar 47°C durante o verão. Então, o recomendável é viajar de novembro a março, quando a temperatura média fica entre 23°C e 24°C. Apesar de ser um mês mais complicado, ir durante o Ramadã, entre junho e julho, pode ser uma experiência interessante.

NÃO PODE FALTAR NA BAGAGEM

Apesar de o Egito ser um país mais tolerante, é válido ter bom senso com relação à vestimenta que irá levar na mala. Abuse de roupas leves e calçados confortáveis. Com relação às mesquitas, mulheres precisam ter lenços/véus para cobrir os cabelos – são itens obrigatórios. Também não se pode ingressar nelas com o joelho de fora, roupa decotada, curta, transparente ou justa demais. Quanto aos homens, é preciso evitar short acima dos joelhos.

INFORMAÇÕES TURÍSTICAS

  • Vacinas

    É exigido um certificado de vacinação contra a febre amarela. A dose deve ser tomada com pelo menos dez dias de antecedência à viagem.

  • Visto

    É exigido um certificado de vacinação contra a febre amarela. A dose deve ser tomada com pelo menos dez dias de antecedência à viagem.

  • CONSULADO BRASILEIRO

    2005C Corniche El Nil – North Tower – 18º andar – Cairo

  • internet

    Os hotéis costumam disponibilizar wi-fi gratuitamente e a conexão é de alta velocidade. Nos demais lugares pela cidade, no entanto, pode até haver acesso, mas nem sempre se trata de um sinal confiável.

  • gorjeta

    É uma prática bem comum e esperada. O Egito é, inclusive, conhecido por ser um país de gorjetas. Para qualquer serviço prestado, do motorista a uma simples informação na rua, uma gorjeta é sempre aguardada.

  • segurança

    Frente ao fato de que o país aplica pena de morte por diferentes crimes, é certamente considerado um destino seguro. Mas, é claro, é bom sempre estar atento aos seus pertences pessoais e evitar andar sozinho em ruas desertas à noite. Os principais pontos turísticos são fortemente protegidos.

  • informações Úteis

  • ddi+20

  • Voltagem220v

  • Padrão de Tomadas
  • Fuso Horário5 horas a mais.
    Desconsiderar o horário de verão em ambos os países.

  • idiomasÁrabe, inglês e francês são amplamente difundidos.

  • código da cidade 2

  • moedaLibra Egípcia (EGP).

  • telefonePolícia: 122
    Emergência: 123

  • Sitehttp://www.egypt.travel/

Your compare list

Compare
REMOVE ALL
COMPARE
0