Um dia em Mangue Seco

Mangue Seco - Salvador - Bahia

Mangue Seco serviu como inspiração para Jorge Amado escrever o romance Tieta do Agreste, lançado em 1977. Ganhou destaque nacional quando a Globo exibiu novela baseada no livro e filmou em suas areias. Se você não leu o livro, perdeu a exibição na telinha, não se preocupe. As dunas de Mangue Seco e os rios cortando o mar vão te conquistar.

Última praia do litoral Norte baiano, Mangue Seco fica na cidade de Jandaíra e é passeio ideal para quem está hospedado em Praia do Forte (BA) ou Aracaju (SE). Ela fica bem no meio desses dois destinos, a cerca de 130 quilômetros de cada um. Converse com seu agente de viagem para que ele reserve seu passeio até as terras de Tieta.

Algo em Mangue Seco, ou talvez tudo, irá te agradar. São 30 quilômetros de praia de areias finas.  Talvez você goste de saber que um dos rios que corta Mangue Seco, o Fundo, é morada de peixes-boi. O animal vive, geralmente, apenas no Rio Amazonas, mas alguns foram procurar casa nas águas baianas.

Rio Real e mais..

Já o Rio Real tem águas levemente salgadas, em vez de totalmente doces. É uma surpresa para quem não sabe disso. A salinidade torna mais fácil boiar e relaxar. É por ali que se forma o vilarejo, entre a foz do Rio Real e as dunas. Mas não são apenas dois rios que recortam Mangue Seco. O Piauí, o Guararema, o Priapu e o Saguí também passam por ali, tudo isso se misturando com o Oceano Atlântico. Tinha como não ser paradisíaco?

E todo esse paraíso – ainda bem – não tem um acesso muito fácil. Isso mantém o charme e rusticidade do local. Para chegar lá, só de barco pelo Rio Real. Pela mistura da água doce com a salgada, muitos mangues se formam, o que faz do lugar cheio de frutos do mar. Pelas margens, bares, casas de pescadores e pousadas. Tudo que você precisa para passar um dia ou vários de tranquilidade. E que tal levar Tieta do Agreste na mala?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Your compare list

Compare
REMOVE ALL
COMPARE
0