A extraordinária Chiang Mai

Blog Segue Viagem
|

Segunda maior cidade tailandesa, a “Rosa do Norte” é um sensacional santuário natural, espiritual e gastronômico.

A menos de 700 km de Bangkok, Chiang Mai é um destino que dispõe de tempo e espaço para boas compras e celebrações únicas, as quais impressionam justamente pela originalidade que lhe conferem. Considerada a capital espiritual do país, já que conta com mais de 300 templos, ela é a segunda maior cidade de toda a Tailândia e, não é por acaso, está entre as favoritas dos viajantes que visitam a região norte.

Tradição e natureza no norte do país

Rodeada por muralhas, montanhas, construções centenárias, feirinhas típicas e experiências simplesmente fascinantes, cada pedaço da apelida “Rosa do Norte” é completamente apaixonante e oferece atividades que agradam a todos os tipos de gostos. Para desfrutar de cada cantinho, há três maneiras diferentes de circular: a pé, de bicicleta ou a bordo de um tradicional “tuk tuk”, tido como um símbolo nacional. Caso a busca seja por ecoturismo, Chiang Mai tem opções de aventuras radicais e divertidíssimas, como trilhas, cachoeiras, ciclismo, rafting e muito mais.

Se a viagem estiver marcada para novembro, não perca as incríveis celebrações que arrastam turistas de todos os cantos do mundo, sendo elas: o Festival das Lanternas (ou Yi Peng), que ilumina o céu em torno da cidade, e o Festival das Luzes (Loy Krathong), um ritual de oferendas sobre as águas do Rio Ping.

A CIDADE ANTIGA DE CHIANG MAI

Cidade Antiga – Chiang Mai | Crédito: Shutterstock

Acessada a partir do Tha Phae Gate, esta área surgiu no final do século 14 e é cercada por uma muralha que foi construída para proteger a capital do Reino de Lanna de invasões estrangeiras. Berço de Chiang Mai, é nela que ficam fixados muitos de seus principais monumentos. Os três destaques ficam por conta do Wat Chedi Luang, um templo erigido em 1441 onde é possível apreciar suas ruínas e conversar com monges; o Wat Phra Singh, que com sua grandiosa arquitetura e a magnífica escultura do Buda Leão é o mais importante da cidade; e o Wat Chiang Man, o mais antigo do destino.

O passeio por Old Chiang Mai não pode acabar sem uma típica massagem tailandesa, já que por lá os visitantes encontram vários spas que ficam abertos praticamente 24 horas por dia. Entre as opções existentes há a tradicional Thai, uma técnica que ajuda a liberar a tensão corporal.

PAUSA PARA AS COMPRAS

Night Bazaar – Chiang Mai | Crédito: Shutterstock

Para quem ama fazer compras, o lugar certo para isso é, sem dúvida, o Night Bazaar. Esse mercado noturno tem de tudo um pouco: roupas, souvenirs, artesanatos, artigos decorativos e muito mais. Supermovimentado, ele também tem points para curtir a noite, como bares, restaurantes, redes de fast food, shows musicais e as deliciosas barraquinhas de rua, que servem iguarias da culinária tailandesa.

UM TOUR PELAS MONTANHAS

Wat Phra That Doi Suthep – Chiang Mai | Crédito: Shutterstock

A cerca de 30 minutos de carro do centro de Chiang Mai, o Wat Phra That Doi Suthep chama a atenção de qualquer turista. O templo dourado dispõe de várias esculturas sagradas de diversas cores que brilham em meio à paisagem esverdeada. Caso visite o local na parte da manhã, não deixe de conferir o ritual que acontece nas primeiras horas do dia e se traduz na oferta de mantimentos aos monges que caminham pela região.


Escrever Comentário

Com um agente de viagens, faça chuva ou faça sol, a sua tranquilidade é garantida.

Véspera de férias? Então bora dormir tranquilo, com a certeza de que o seu aéreo, reservas em hotéis e serviços estão confirmados.

Veja Mais

Os agentes de viagens estão aqui pra te ajudar a ter a viagem dos sonhos com a tranquilidade que você merece ;)

Veja Mais