Dica do viajante: San Andrés, por Vitor Antunes

Blog Segue Viagem
|

Difícil não se apaixonar por San Andrés. Famosa pelo mar colorido em tons de azul e verde e paisagens dignas de cartão-postal, a ilha está entre os destinos mais procurados do Caribe. Não à toa, Vitor Antunes, analista da controladoria do GRUPO TREND, elegeu o destino para curtir alguns dias de descanso e compartilhou algumas dicas com a gente:

Vale começar dizendo que a cidade tem estrutura simples se comparada a outras regiões do Caribe, mas as lindas paisagens e belezas naturais que o lugar oferece compensam todo o resto.

Parasail

Vitor Antunes em San Andrés

Para desfrutar a ilha de outros ângulos e com muita emoção, uma boa pedida é voar de parasail. No total, o passeio tem duração aproximada de duas horas, considerando a saída da marina até o momento do retorno. Já de voo, são cerca de quinze minutos contemplando cenários estonteantes.

Explore San Andrés com um carrinho de golfe ou moto

No centro da cidade existem vários estabelecimentos de locação de carrinho de golfe ou moto.  Por ser pequena, em uma hora, se o turista não fizer nenhuma parada, é possível dar uma volta completa em San Andrés.  Mas é interessante parar para fotografar os arredores, fazer alguns mergulhos, matar a fome e, claro, conhecer os principais pontos turísticos

Hoyo Soplador

À beira do mar existe uma formação rochosa com buracos naturais que dão nome à atração: buraco soprador. Por conta da intensidade das ondas que quebram logo abaixo dessas fendas, um vento é soprado com força jogando os cabelos para o alto. O local ainda conta com três lojas de souvenires.

 La Piscinita

Como o nome indica, esse ponto turístico consiste em uma piscina natural. Suas águas cristalinas são casa de muitos peixes, os quais turistas podem alimentar com o pãozinho que é recebido junto com o ingresso (cerca de 4 mil pesos colombianos).

West View

Na mesma pegada de La Piscinita, existe a West View. O diferencial dessa piscina é que há um tobogã e um trampolim para a diversão dos visitantes.  A entrada (cerca de 4 mil pesos colombianos) também inclui um pãozinho para alimentar os peixes. É de lá que também parte o passeio Aquanautas.

Aquanautas

Usando um escafandro, uma espécie de capacete utilizada por mergulhadores, caminha-se debaixo d’agua, a uma profundidade de cerca de seis metros.

Rocky Cay

Considerada uma das praias mais belas de San Andrés, Rocky Cay tem mar cristalino e boa infraestrutura por conta dos clubes de praia da região. Visitantes aproveitam a ida até a praia para praticar atividades como windsurfe e cruzar o mar de Jet Ski.

Johnny Cay

Johnny Cay | Crédito: Vitor Antunes

Reservar um dia para aproveitar Johnny Cay, ilhota próxima de San Andrés, é uma boa ideia, a ilha merece um dia inteiro lá. São dez minutos de lancha para chegar ao local, onde você poderá alugar cadeiras, guarda-sol ou até cabaninhas.

Restaurantes e bares

San Andrés oferece opções para todos os bolsos.  Com decoração estilo bar americano, o Beer Station fica em frente à praia e tem preços bacanas. O La Regatta foge um pouco à regra, mas é uma excelente pedida. Sua decoração tem como tema a vida marinha e o grande destaque fica por conta da linda vista, que dá para a baía. Assim, recomenda-se frequentar o restaurante na hora do almoço, para apreciar a paisagem. Quem gosta de frutos do mar vai poder saborear pratos como ceviche e camarão. Delicie-se! Mas lembre de fazer reserva para comer no local.

A pinã colada, coquetel à base de rum, abacaxi e leite de coco, é bastante vendida na praia e muito saborosa. Para quem gosta de cerveja: elas são bem baratas em San Andrés.

Vida noturna

Para quem gosta de curtir a noite, vale conhecer a Coco Loco, um clube muito animado que conta com um píer de frente para o mar.

Guia de San Andrés

Dicas

– Para entrar em San Andrés, o turista precisa da tarjeta turística, que pode ser adquirida com as companhias aéreas antes mesmo de sair do Brasil, ou no aeroporto de conexão. O documento deve ser guardado com cuidado, pois será solicitado também na saída da ilha.

– No geral, a ilha é segura. Mas vale manter a atenção e cuidados toda vez que viajamos, como evitar acessórios chamativos e tomar cuidado com os pertences, principalmente em locais muito movimentados.

Mala

Roupas leves e traje de banho, chapéu ou boné, protetor solar e óculos de sol. Uma capa ou abrigo de chuva pode vir a calhar. Sapatos confortáveis são essenciais para caminhar pela ilha.

  1. Maria Eduarda Climaco há 1 ano atrás

    Boa tarde,
    Quanto custa o passeio para Johnny Cay e El Acuario??
    Em média quanto se gasta para almoço e jantar?
    É necessário alugar carrinho de golf/scooter para todos os dias?

    Obrigada!!!

    1 resposta

Escrever Comentário

Com um agente de viagens, faça chuva ou faça sol, a sua tranquilidade é garantida.

Véspera de férias? Então bora dormir tranquilo, com a certeza de que o seu aéreo, reservas em hotéis e serviços estão confirmados.

Veja Mais

Os agentes de viagens estão aqui pra te ajudar a ter a viagem dos sonhos com a tranquilidade que você merece ;)

Veja Mais